Assine nossa Newsletter e receba novidades em primeira mão!
Escola de pintoresEscola de Pintores
Atenção especial à superfície a ser pintada

É muito importante, antes de iniciar qualquer pintura, verificar a situação da base a ser pintada. Analise quais são as condições das paredes, possuem buracos? É necessária a aplicação de massa corrida ou gesso para tapá-los? Se os buracos nas paredes são superficiais apenas a aplicação da massa corrida será suficiente, no entanto, se forem muito profundos haverá a necessidade da aplicação de gesso.

 

Resolvido o problema dos buracos, a próxima fase é preparar a superfície da parede, raspando, lixando e eliminando de vez todos os pontos descascados e qualquer outra imperfeição. Já na parede com fissuras, infiltrações ou trincas profundas, faz-se necessária a atenção especial e o reparo de um profissional.

 

Se a sua parede ainda possui uma tinta utilizada anteriormente é preciso que a mesma seja lixada até que fique totalmente opaca. Para que a tinta possa aderir bem à superfície, é de extrema importância que a parede esteja seca, limpa, sem qualquer resíduo de poeira ou gordura, não pode estar muito lisa nem brilhante, o ideal é uma superfície fosca.

 

Concluído o processo da superfície a próxima etapa é a preparação da tinta.